Vida Planejada

Desapego: 1º passo para realizar grandes sonhos

FONTE: A+ A-

27 jun 2019 0 Comentários

Sabe aquela necessidade de ter pra ser feliz? As roupas da moda, o perfume de marca, o celular de última geração e por aí vai. Nos apegamos a isso e acabamos acumulando muita coisa, algumas às vezes até sem uso, porque foram compradas por impulso.

E esse consumo excessivo nos impede de realizar grandes sonhos, aqueles que precisam de mais recursos, como a compra da casa própria, por exemplo. Vivemos sem planejamento, sem organização e não chegamos a lugar nenhum.

Se você está vivendo assim, já passou de hora de começar a desapegar.

Mas como trabalhar o desapego?

A dica é ter metas diárias e fazer uma coisa por vez, começando pelo mais fácil. Sim, organize o desapego. Cada dia você foca em um item, assim não desanima e nem tem desculpa pra não fazer.

Liste os itens para desapegar

O ser humano tem tendência a se apegar a coisas, ideias, pessoas, sentimentos ou situações.

Aqui vamos tratar do desapego de coisas, como roupas, livros, sapatos, bolsas, acessórios, papéis, panelas e utensílios de cozinha, roupas de cama, toalhas, remédios e até maquiagens (que inclusive podem estar vencidas).

Então pegue papel, caneta e faça uma lista com todos os itens que farão parte dessa triagem.

Monte um cronograma

De posse dessa lista, defina uma data para cada um dos itens, levando em consideração a sua rotina. Afinal, você vai encaixar mais uma tarefa no seu dia a dia. É claro que imprevistos acontecem. Por isso, se não puder cumprir com a meta do dia, reorganize o cronograma, mas não pare. Siga! Com disciplina, dá super certo!

Eu realmente preciso disso?

Essa pergunta é essencial também na hora de desapegar. Por que também? Em breve a gente te conta e você vai entender tudo.

Então vamos lá. Supondo que você definiu no cronograma que segunda é o dia dos acessórios. Separe os que não usa mais. Se tiver em dúvida se vai usar alguma peça ou não, faça a perguntinha mágica: eu realmente preciso disso? Veja os que podem ser doados e aqueles que realmente devem ser jogados fora, como os brincos sem par.

Caso a terça seja o dia dos sapatos, o procedimento é o mesmo. Primeiro separe os que você tem certeza que não quer mais. Ficou em dúvida? Pergunte: eu realmente preciso disso? Se você deixou de usar algum sapato porque estragou mas gosta muito dele de verdade, leve para o conserto no máximo até o dia seguinte. Se deixar pra depois, ele vai continuar ali, só ocupando espaço.

A quarta-feira pode ser dedicada às roupas. É possível dividir em mais de um dia, caso preferir. Por exemplo: quarta é o dia das calças, quinta das blusas, sexta das roupas íntimas. Lembre-se: defina metas que podem ser cumpridas no dia. Ah, e na hora de voltar com a peças para o armário, não deixe de conferir nossas dicas para deixar o guarda-roupa bem organizado.

Depois de trabalhar o desapego, desocupando espaço na sua casa e fazendo muitas pessoas felizes com as suas doações, é hora de focar no consumo consciente. Não adianta sair comprando de novo tudo o que vê pela frente. Por isso, é aqui que ela aparece de novo: eu realmente preciso disso? Sinceridade nessa hora é tudo, hein? Avalie se de fato é necessária cada compra.

Pode acontecer que você tenha doado todas as calças pretas e ela é uma peça básica no seu guarda-roupa. Tudo certo, não tem problema, pode comprar uma (sim, uma). Nada de três ou quatro. Desapegue do hábito e da necessidade de ter demais.

Quando você controla o impulso, o que compra e a quantidade que compra, consegue planejar o seu futuro. E e conquista de bens de maior valor, como moto, carro e a tão sonhada casa própria, vai se tornando muito mais possível.

E aí? Bora começar a desapegar agora?

COMPARTILHAR:
Loading